Player

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

BBC News

A força que explica a viralização desta foto






Encarar alguém tem poder. A capacidade de comandar o olhar de outra pessoa e de petrificar sua mente e músculos apenas com a determinação de olhos, sem piscar, é algo que requer disciplina e muita coragem. Trata-se de uma maneira de reivindicar sua existência no mundo e se firmar no momento.
Uma imagem feita pelo fotojornalista Carlos Vera Mancilla em Santiago, no Chile, na semana passada, captura exatamente a força desse tipo de olhar. A foto - tirada durante protestos que marcaram o 43º aniversário do golpe militar que resultou na derrubada do presidente Salvador Allende por Augusto Pinochet, em 11 de setembro de 1973 - mostra uma jovem nada intimidada medindo-se com um policial armado enquanto o encara de maneira desafiadora através do visor dele.
O registro foi feito na frente do Cemitério Geral de Santiago, onde Allende está enterrado e onde foi instalado um monumento aos "desaparecidos" durante o regime de Pinochet.
A foto, que foi compartilhada dezenas de milhares de vezes na internet, representa mais do que uma simples disputa entre as perspectivas opostas da ordem e da rebeldia. Entre as pupilas do policial e as da manifestante pulsa a convicção de que a visão não é um simples ato passivo, mas sim uma força transformadora, uma energia elementar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário